Pular para o conteúdo principal

Destaques

REVIEW: MULHER MARAVILHA 1984

Pôster do Filme Autor: Daniel Moreira   REVIEW: MULHER MARAVILHA 1984  Estamos vivendo uma revolução na forma de ver filmes, os serviços de streaming estão cada vez mais conquistando o seu espaço no dia-a-dia dos espectadores e a grande aposta do HBOMAX foi justamente a estreia de um dos maiores filmes do ano no serviço de streaming e nos cinemas ao mesmo tempo. Se isso vai ser o novo normal ou se vai trazer lucros só o tempo dirá, o fato é que Mulher Maravilha 1984 está entre nós. Atenção, essa review pode conter leves spoilers. Um artefato muito antigo criado por um Deus concede aquele que o possui o seu maior desejo, infelizmente vai parar em mãos erradas e a Mulher Maravilha precisa enfrentar o vilão e impedir o fim do mundo. Patty Jankins retorna na direção da sequência, dessa vez muito mais a vontade. Devido ao grande sucesso do primeiro filme, o estúdio deu carta branca pra ela criar a sua versão e isso é refletido nas poucas cenas de ação, nos diálogos profundos e na mensa

Ainda Existem Astros de Hollywood?

Lupita Niong'o no Oscar
Lupita Niong'o no Oscar 



Ainda Existem Astros de Hollywood?


Que o mundo evolui isso é obvio, tudo dentro dele precisa se adaptar para acompanhar essa evolução, isso inclui a industria do entretenimento. Imagina se as musicas ainda fossem punk rock como nos anos 80 ou só pop como nos anos 2000. De lá para cá, foram surgindo novos estilos e tudo isso reflexo do ambiente de seus respectivos anos, além de entreter a musica relata a realidade de seu período histórico. Com os filmes isso não é diferente.

Astros de Hollywood sempre foram um bom chamativo/propaganda para um filme, antes da internet ser popularizada eles eram como seres intocáveis, super exaltados e superestimados, eram idolatrados. Mas com o passar do tempo e a facilidade do acesso a informação de uma forma globalizada a internet pode ter tirado o status de ser inalcançável, já que é possível ter noticias 24h por dia do seu ator preferido e saber absolutamente tudo o que ele gosta. Antigamente eram apenas nas aparições televisionadas e tapetes vermelhos, época de um ambiente mais controlado onde tudo era planejado, hoje em dia não se tem mais esse poder, o encanto meio que foi se perdendo.

Fica a pergunta, qual foi a última vez que você foi no cinema só por causa de um determinado artista?

Com isso hoje em dia é muito mais difícil criar novas estrelas de cinema, até mesmo ter um bilheteria bilionária não é valia para ser movie star, como por exemplo Robert Downey Jr. que é o rosto mais importante das primeiras fazes do Universo Cinematográfico da Marvel, ele é o Homem de Ferro, um dos heróis mais conhecidos hoje em dia. O ultimo filme com sua participação teve uma bilheteria de mais de 2.797 bilhões de reais e quando comparado com o seu filme mais recente, o Dolittle teve uma bilheteria de menos de 150 milhões de reais, o filme nem se pagou já que o orçamento foi de 175 milhões sem contar a publicidade.

Já que a industria não é a mesma dos anos 90 por exemplo, então talvez não seja justo comparar, mas a realidade é que para um ator ter influência ele precisa ter carisma, atrair público e acima de tudo dar lucro. Talvez o segredo seja equilibrar uma carreira com filmes mais independentes para ter aceitação dos críticos, poder ganhar vários prêmios, ser reconhecido e do outro lado participar de uma grande franquia já que hoje vivemos em uma era onde os clientes são fieis a certas marcas e não a uma estrela.

Minhas Redes



Comentários

Postagens mais visitadas