Pular para o conteúdo principal

Destaques

REVIEW THE MIDNIGHT GOSPEL - 1ª Temporada

Autor: Daniel Moreira
REVIEW THE MIDNIGHT GOSPEL - 1ª Temporada
Antes tarde do que nunca! Mais de 4 mês após o lançamento de The Midnight Gospel na Netflix eu finalmente fui assistir a essa viagem filosófica.  Talvez a minha nova smart TV gigantesta tenha contribuído para eu começar a apreciar os visuais psicodélicos e surreais do podcast, digo, do seriado.
Acompanhamos a história de Clancy, um podcaster que viaja através de um simulador de universos procurando boas histórias, cada episódio o nosso protagonista visita um mundo diferente e grava entrevistas para transmitir para quem quiser ouvir. Criada por Pendleton Ward de Hora de Aventura e Duncan Trussell, comediante e host do podcast  Duncan Trussell Family Hour, que serviu de inspiração e fonte direta para todos episódios.
O tema principal da série é a influência do apocalipse na vida das pessoas, quais são as reverberações que tal acontecimento gera, por isso, em cada episódio mostra o Clancy acompanhando o final de um mundo. Qu…

Forte concorrente ao Oscar, Dois Papas é uma produção necessária

dois papas



Autor: Luca Alves

Forte concorrente ao Oscar, Dois Papas é uma produção necessária


Após a renúncia do Papa Bento VI, em fevereiro de 2013, o ano foi marcado pela ocupação de dois papas no Vaticano – abdicação de cargo que gerou um evento inédito para Igreja Católica desde o ano de 1415 com o Papa Gregório XII. De direção de Fernando Meirelles, a produção original da Netflix recebe o nome Dois Papas por enfocar na aproximação de Bento VI com Francisco I entre o período da morte do João Paulo II até o momento que o Francisco I assume o posto de representante maior da Igreja Católica. O filme detalha os pormenores da vida de ambos os papas e os motivos pelos quais os papados de ambos poderiam se tornar um problema do tipo escândalo com perda maior do que a qual a Igreja vinha tendo em relação ao número de fiéis na época.

Com os altos investimentos da Netflix para a temporada de premiações, o filme foi estreado no Festival de Cinema de Telluride com números expressivos nas plataformas de crítica especializada Rotten Tomatoes (91% de aprovação) e Metacritic (83), podendo dar destaque tanto para as atuações de Jonathan Pryce e Anthony Hopkins quanto para a roteirização de Anthony McCarten, que garantiram indicações ao Globo de Ouro 2020, um pequeno esquenta para a campanha do Oscar deste ano. Além das indicações nas categorias Melhor Ator Em Filme de Drama, Melhor Ator Coadjuvante e Melhor Roteiro, Dois Papas de Fernando Meirelles também foi indicado à categoria Melhor Filme de Drama, dividindo indicação com nomes como História de Um Casamento de Noah Baumbach e O Irlandês do Martin Scorsese – também produções originais da Netflix.

Dois Papas é uma produção necessária no vasto sentido da palavra – ela é dissolvida e distribuída na quantidade ideal para quem a consome, ela provoca sensação de abastamento das informações permitindo que as conclusões sejam feitas pelo próprio espectador, ela abre mão de extravagâncias técnicas e tudo se desenvolve na mais pura naturalidade que insiste em se destacar como um lembrete de que o filme é uma obra inspirada no livro O Papa do roteirista Anthony McCarten e cria uma atmosfera documental no bojo da ficção pela atuação e montagem dos fatos, fazendo dele um forte concorrente na corrida pelo Oscar de Melhor Filme.

Minhas Redes Sociais:

Comentários

Postagens mais visitadas