Pular para o conteúdo principal

Destaques

Future Nostalgia: O TOPO DA ASCENSÃO DA DUA LIPA?

Autor: Luca Alves Future Nostalgia: O TOPO DA ASCENSÃO DA DUA LIPA? Nota: 4/5


É de tamanha excelência a qualidade do Future Nostalgia que foi uma das missões mais difíceis da minha vida expressar em fiéis palavras a extremidade artística positiva que este álbum representa. Estive tenso por tentar não deixar passar nada porque é de uma complexidade e inteligência lírica-compositora tão grande que eu estaria faltando com a honestidade se eu não deixasse muito claro que este álbum é simplesmente O ÁLBUM. E é lindo ver o mínimo, porém impactante amadurecimento da Dua Lipa depois do álbum homônimo porque a ela foi entregue o difícil papel de salvadora da música pop, quando em meados de 2017 ela tomou total protagonismo do gênero com New Rules sendo creditada como um dos pilares que representaria a música pop pelos próximos anos, e facilmente assumiu esse posto, não aproveitando muita coisa do tropical house em dominância no seu primeiro álbum, mas mantendo as composições maduras por um vié…

REVIEW: AS PANTERAS EM MAIS UM REMAKE TRIVIAL

As Panteras 2019 Sony Pictures naomi scott
As Panteras, 2019, Sony Pictures

REVIEW: AS PANTERAS em mais um remake trivial.

Que Hollywood vai rebutar todas as franquias já lançadas é um fato. Às vezes dá certo como é o caso recente Nasce uma Estrela, já em seu terceiro remake, que foi super aclamado e tem uma das trilhas sonoras mais impactantes e premiada dos últimos tempos; e às vezes não dá certo como é o caso da nova versão das Panteras.

A direção fica por Elizabeth Banks que além disso produziu, escreveu o roteiro e ainda faz parte do elenco. Um filme que foi vendido com influencias do 007 e dos filmes mais recentes do agente Ethan Hunt, mas que infelizmente deixou a desejar em um roteiro contado mais de mil vezes: alguém inteligente cria um produto, alguém ganancioso quer esse produto, alguém tem que proteger esse produto a todo custo. Clichês são bons porque funciona, é fácil de ter empatia mas sozinho ele não tem força.


Eu pessoalmente amo os filmes de espionagem, de apetrechos inteligentes, de disfarces malucos de lutas bem coreografadas, coisas que a versão dos anos 2000 com Cameron Dias, Lucy Liu e Drew Barrymore tinham de sobra. Muito carisma, ideias inteligentes, explosões e sensualidade. Por mais que as novas Panteras se esforcem, a gente não consegue ter empatia por elas.

As Panteras 2019 Sony Pictures naomi scott
As Panteras, 2019, Sony Pictures

Mas nem de tudo é ruim, o filme não se propõe a ser a nova saga de espionagem nem reinventar os filmes de ação, A Kristen Stwrt está engraçada e é bom ver ela fazendo algo diferente da sua zona de conforto, A Ella Balinska é a novata e devido ao seu background de luta você acredita que ela pode fazer o que faz, e a Naomi Scott vende bem a fofura e a super inteligência de sua personagem.

Com algumas participações especiais, figurinos impecáveis, expansão do universo já que a agencia se tornou mundial e está atuante em vários países e um toque de girl power em varias cenas, As Panteras 2019 é mais um remake, no mar de remakes que traz um pouco de diversão e deixa você feliz no final do filme. Além disso, é sempre bom ver mulheres comandando/protagonizando/escrevendo/dirigindo filmes, representatividade importa e faz a diferença na vida de quem está crescendo.

Minhas Redes Sociais:



Comentários

Postagens mais visitadas