Pular para o conteúdo principal

Destaques

Future Nostalgia: O TOPO DA ASCENSÃO DA DUA LIPA?

Autor: Luca Alves Future Nostalgia: O TOPO DA ASCENSÃO DA DUA LIPA? Nota: 4/5


É de tamanha excelência a qualidade do Future Nostalgia que foi uma das missões mais difíceis da minha vida expressar em fiéis palavras a extremidade artística positiva que este álbum representa. Estive tenso por tentar não deixar passar nada porque é de uma complexidade e inteligência lírica-compositora tão grande que eu estaria faltando com a honestidade se eu não deixasse muito claro que este álbum é simplesmente O ÁLBUM. E é lindo ver o mínimo, porém impactante amadurecimento da Dua Lipa depois do álbum homônimo porque a ela foi entregue o difícil papel de salvadora da música pop, quando em meados de 2017 ela tomou total protagonismo do gênero com New Rules sendo creditada como um dos pilares que representaria a música pop pelos próximos anos, e facilmente assumiu esse posto, não aproveitando muita coisa do tropical house em dominância no seu primeiro álbum, mas mantendo as composições maduras por um vié…

PERSONAGENS ALEGÓRICOS: o que são?

personagens alegóricos

A Liberdade Guiando o Povo por Eugène Delacroix


O Que São Personagens Alegóricos?

Autor: Luca Alves

A Liberdade Guiando o Povo, talvez a pintura mais famosa de Eugène Delacroix, apresenta um vasto valor cultural, além de toda sua riqueza estética. Existem muitas coisas a serem discutidas, abordando as influências obtidas de significativas revoluções, como a Francesa e a de Julho de 1830, mas infelizmente não será nessa postagem que aprofundarei nelas, afinal, o foco aqui é na literatura.

Para entender o que são personagens alegóricos, primeiro você precisa entender o que é uma alegoria e como ela está ligada à pintura de Delacroix e aos exemplos que logo darei. Então, saca só: alegoria é uma figura de linguagem responsável pela representação concreta de uma ideia abstrata. A personagem alegórica é a representação concreta de uma ideia abstrata e sem a intenção de atingir uma pessoa em específico. 

Na pintura, a liberdade, como uma ideia abstrata, é representada por uma mulher, logo a mulher, nomeada como Liberdade, é uma personagem alegórica. Outro exemplo é o Anjo e o Diabo, alegorias do Bem e do Mal, na peça Auto da Barca do Inferno de Gil Vicente. São personagens alegóricas, sem nenhuma característica psicológica própria e sem intenção de atingir uma pessoa em particular.


Ainda não entendeu? Vou simplificar ainda mais: você cria uma personagem para criticar corrupção na política brasileira, mas sua intenção não é criticar um determinado político, mas toooda a corrupção do país. Essa personagem é uma personagem alegórica, logo ele faz uma alegoria da corrupção do Brasil.


Minhas Redes Sociais:

Instagram  - Twitter - Pinterest - Facebook

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas