Pular para o conteúdo principal

Destaques

REVIEW: MULHER MARAVILHA 1984

Pôster do Filme Autor: Daniel Moreira   REVIEW: MULHER MARAVILHA 1984  Estamos vivendo uma revolução na forma de ver filmes, os serviços de streaming estão cada vez mais conquistando o seu espaço no dia-a-dia dos espectadores e a grande aposta do HBOMAX foi justamente a estreia de um dos maiores filmes do ano no serviço de streaming e nos cinemas ao mesmo tempo. Se isso vai ser o novo normal ou se vai trazer lucros só o tempo dirá, o fato é que Mulher Maravilha 1984 está entre nós. Atenção, essa review pode conter leves spoilers. Um artefato muito antigo criado por um Deus concede aquele que o possui o seu maior desejo, infelizmente vai parar em mãos erradas e a Mulher Maravilha precisa enfrentar o vilão e impedir o fim do mundo. Patty Jankins retorna na direção da sequência, dessa vez muito mais a vontade. Devido ao grande sucesso do primeiro filme, o estúdio deu carta branca pra ela criar a sua versão e isso é refletido nas poucas cenas de ação, nos diálogos profundos e na mensa

Poesias de Bruno Inácio

Bruno Inácio
Imagem: Bruno Inácio
Semana passada fui pego, totalmente desprevenido, pelas poesias do Bruno Inácio, a pessoa por trás da página O Mundo na Minha Xícara de Café. Minha primeira impressão ao ver seu trabalho foi de estar prestes a lidar com alguém que entende do que faz, e conversando com ele para essa postagem, me certifiquei que o rapaz é realmente muito, muito bom.

Aos 24 anos de idade, Bruno, que nasceu e cresceu em Ituverava, cidade no interior de São Paulo, além de trabalhar como jornalista, também divide seu tempo escrevendo: escrevendo para sua página; escrevendo para o site Obvious e escrevendo alguns livros, dos quais pretendo fazer resenha em breve.

Bruno Inácio
Imagem: Bruno Inácio
Bruno Inácio
Imagem: Bruno Inácio
Bruno escreve poesias há sete anos, mais ou menos, mas só agora teve coragem de mostrá-las para o mundo. Sua página existe desde fevereiro deste ano e já soma mais de 15 mil curtidas. Quando eu o perguntei sobre suas inspirações, a sua resposta foi tão encantadora que, sério, eu precisava postá-la aqui: "Eu gosto muito do cotidiano. Acho que minha inspiração vem justamente disso: de coisas que estão bem na nossa frente e muita gente não vê. Eu gosto de sorrisos, do formato das nuvens, das estrelas, do sol se pondo."


Além do cotidiano, algumas artes, em especial a música, também fazem parte do seu processo criativo. Alguns dos seus favoritos são The Beatles, Pink Floyd, Queen, Bob Dylan e alguns cantores nacionais como Caetano e Cazuza. Então, que nunca falte música no seu dia a dia, Bruno. Nossas almas agradecem.

Minhas Redes Sociais:


Comentários

Postagens mais visitadas