Pular para o conteúdo principal

Destaques

REVIEW: MULHER MARAVILHA 1984

Pôster do Filme Autor: Daniel Moreira   REVIEW: MULHER MARAVILHA 1984  Estamos vivendo uma revolução na forma de ver filmes, os serviços de streaming estão cada vez mais conquistando o seu espaço no dia-a-dia dos espectadores e a grande aposta do HBOMAX foi justamente a estreia de um dos maiores filmes do ano no serviço de streaming e nos cinemas ao mesmo tempo. Se isso vai ser o novo normal ou se vai trazer lucros só o tempo dirá, o fato é que Mulher Maravilha 1984 está entre nós. Atenção, essa review pode conter leves spoilers. Um artefato muito antigo criado por um Deus concede aquele que o possui o seu maior desejo, infelizmente vai parar em mãos erradas e a Mulher Maravilha precisa enfrentar o vilão e impedir o fim do mundo. Patty Jankins retorna na direção da sequência, dessa vez muito mais a vontade. Devido ao grande sucesso do primeiro filme, o estúdio deu carta branca pra ela criar a sua versão e isso é refletido nas poucas cenas de ação, nos diálogos profundos e na mensa

A Marquesa de Santos

A Marquesa de Santos
Foto: Matheus Ariel


Depois do episódio no Teatrinho Constitucional de São Pedro, não há dúvidas que V.M. e aquela michela de Santos têm um caso. De mala e cuia, fugindo da má reputação, ao Rio com a família veio, mas aqui ninguém ela engana. À nossa mãezinha temos devotado e à ela devotos seremos até que o tempo a desfaça.

Outro dia, meu sinhô com os amigos, longe de sinhá, falava sobre sua [da Marquesa] beleza, mas confesso que nem vi tanta formosura assim. Falta carne, inteligência, falta vergonha naquela cara.

Pobre mãezinha. Que Deus a proteja das garras dessa víbora e que castigo seja igualmente dado a esse filho de Portugal que infeliz faz nossa princesa, imperatriz e, ainda, mãe; mãe dos pobres.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas